Apresentação do Livro “São Lágrimas, Senhor, São Lágrimas”

Fernando Correia mergulha, neste livro, no abismo da violência doméstica, contando alguns casos reais que, com o seu sentido jornalístico, foi registando ao longo do ano de 2018.
Por serem situações vividas, contadas ou observadas com o rigor de análise que justificam, este livro é imprescindível para que se perceba a extensão do flagelo da violência doméstica e aponta, sobretudo, para a necessidade de não haver medo de denunciar os prevaricadores.
Trata-se de um crime grave, punido pelas leis da igualdade e da cidadania, que vem mostrando, de ano para ano, números preocupantes.
Faz bem à alma ler este livro. Faz ainda melhor seguir o que ele recomenda, para que a violência pare.

Serão também mote para a conversa os mais seus livros mais recentes: “Piso 3, Quarto 313”, “O que eu sei de mim” e “O Homem sem Idade”.

 

Também poderá estar interessado

Sem comentários adicionados

    Responder