Reflexão sobre a Saúde Mental

No passado dia 10 de Outubro assinalou-se uma efeméride de grande importância no contexto nacional e internacional: o Dia Mundial da Saúde Mental.

O conceito de Saúde Mental  é definido pela OMS (Organização Mundial de Saúde) como “o estado de bem-estar no qual o indivíduo realiza as suas capacidades, pode fazer face ao stress normal da vida, trabalhar de forma produtiva e frutífera e contribuir para a comunidade em que se insere”. Ou seja, para além da ausência de doença é ainda tido em conta o índice de funcionalidade e a capacidade de adaptação do indivíduo.

É da consciência coletiva que a Saúde Mental e a Saúde Física são absolutamente indissociáveis. Sem Saúde Mental não existe Saúde Física e vice-versa. Como tal, é necessário que ambas sejam olhadas com o mesmo carácter de urgência.

Atualmente, começa a assistir-se a uma crescente importância da componente psicológica, afetiva e relacional do indivíduo, bem como a uma progressiva “desmistificação” da profissão de Psicólogo.

Pegando nas palavras do Dr. Francisco Miranda Rodrigues, bastonário da Ordem dos Psicólogos Portugueses, “sem Psicólogos, o Ministério da Saúde manter-se-á o Ministério da Doença”, fruto de uma, ainda tímida, aposta na Saúde Mental e no papel do Psicólogo como agente promotor da mesma.

Muitos outros temas, como o aumento do rácio de Psicólogos nos agrupamentos escolares e nos sistemas públicos de saúde, devem fazer parte da agenda política nacional. Está, também, na ordem do dia, a inclusão (ou não) do estatuto de cuidador informal. Esta é, a meu ver, uma questão de saúde pública. É fundamental aprovar o mais rapidamente possível esta medida, como forma de acautelar num sentido preventivo o possível impacto que o ato de cuidar tem, nas mais diferentes dimensões, no indivíduo.

Estas e outras temáticas permitirão ao Estado e às pessoas uma enorme poupança nos gastos ao nível da saúde (é assustador saber que duplicou o consumo de antidepressivos no nosso país), promovendo, desta forma, um equilíbrio entre a Saúde Mental e a Saúde Física dos indivíduos.

Também poderá estar interessado

Sem comentários adicionados

    Responder