Artigo

Diversidade – concurso de fotos para a vida na velhice

“As fotos são um forte sinal para imagens diferenciadas do envelhecimento: mostram que individualidade, comprometimento e coragem não dependem da idade.”

Lisa Paus, Ministra Federal para as Pessoas Idosas

O envelhecimento hoje tem muitas faces. Os baby boomers estão a atingir a idade da reforma. O mesmo se aplica a cada vez mais pessoas com antecedentes migratórios. A individualidade e a identidade também são cada vez mais vividas de forma aberta e visível pelas pessoas mais velhas.

Com o concurso fotográfico “VelfALT”, a BAGSO pretende documentar a diversidade e o potencial das pessoas idosas na sociedade atual e questionar as imagens estereotipadas da velhice.

O objetivo é representar todo o espectro da vida real das pessoas idosas.

CATEGORIA: “ESTE SOU EU”

1.º lugar | Cordia Schlegelmilch – Atraente na velhice

Declaração do júri: A atratividade da foto vem da beleza desta mulher e da sua autoconfiança, com a qual revela energia, ternura e vida. Ela mostra-se como é – livre de estereótipos, completamente confiante no seu próprio carisma. Ela entra em contato com a câmera de forma autêntica e intensa, conferindo à imagem uma força extraordinária. Ajuda o fato de a fotógrafa capturar esse momento íntimo com a sua mãe com tanta habilidade. Esta imagem torna visível o que muitas vezes permanece invisível. (https://www.bagso.de/)

 

2.º lugar | Susanne Seiffert – Terceira Primavera

Declaração do júri:  Felicidade é amor, nada mais, escreveu certa vez Hermann Hesse. Quem pode amar é feliz. E também quem é amado, como mostra a expressão alegre e surpresa no rosto desta mulher, após o beijo espontâneo. A foto é particularmente atraente porque dá a promessa esperançosa de que esta chave para a felicidade ainda pode estar disponível, mesmo na velhice. Este maravilhoso instantâneo mostra esta verdade de uma forma particularmente verossímil: a chuva não incomoda em nada, pelo contrário, na verdade reforça a mensagem. (https://www.bagso.de/)

 

3.º lugar | Günter Musche – força e atenção plena no tiro com arco japonês

Declaração do júri: O corpo está poderosamente ereto, o olhar está direcionado para a frente, altamente concentrado. Esta imagem, fotograficamente bem-sucedida, fornece um exemplo impressionante da possibilidade de permanecer, mental e fisicamente, ativo mesmo no último terço da vida. Este homem não está no fim, está no início de um caminho cheio de concentração. Concentra-se em algo, desenvolve-se ainda mais, adquire novas competências. O arco esticado é uma metáfora adequada para o quão interessante, atraente e desafiador isso é. Apaixonado e determinado, tem como objetivo trabalhar o seu próprio nível de maturidade e estar atento ao agora. (https://www.bagso.de/)

Na cerimónia de entrega de prémios a 12 de setembro de 2023 em Berlim, a Ministra Federal da Família, Lisa Paus, entregou prémios no valor total de 19.000 euros. Um júri independente selecionou os vencedores entre quase 1.500 inscrições. O concurso de fotografia aconteceu em quatro categorias. Também foi atribuído um prémio do público. 

O concurso fotográfico é patrocinado pelo Ministério Federal da Família, Idosos, Mulheres e Jovens (BMFSFJ).

 

FONTE: BAGSO

892 views
cool good eh love2 cute confused notgood numb disgusting fail