Artigo

LUKASHENKO É DESAFIADO PELA BISAVÓ NINA

Geóloga, reformada, viúva, com dois filhos, dois netos e um bisneto, a ativista Nina Bahinska, aos 73 nos não perde uma manifestação.

Considera Lukashenko “uma marioneta ao serviço de Moscovo, mas uma marioneta sanguinária.”

Irredutível na sua luta, é ativista desde a perestroika. 

É um dos rostos na luta contra o poder instituído.

Tem metade da sua pensão penhorada para pagar multas por participar durante décadas em protestos contra o líder autoritário.

Não desiste:

“Quanto mais repressão e mais golpes, mais vontade tenho de ajudar e querer uma Bielorrússia livre. Digo a mim mesma que sou uma mulher que já tem uma certa idade. Não temos esses sem vergonha.” 

32 views
cool good eh love2 cute confused notgood numb disgusting fail